Ensinar as crianças sobre tarefas domésticas não é fácil. Mas, para elas, estas pequenas responsabilidades trazem inúmeros benefícios, principalmente para o seu desenvolvimento.

Mesmo ainda muito jovens, a partir dos 2 anos, elas podem colaborar com a organização da casa e, quando inseridas nesta atividade, percebe o quanto estas tarefas são difíceis para a família e passa a valorizar ainda mais o esforço e dedicação.

É claro que cada criança tem seu tempo e capacidade. Confira uma lista que pode ajudar a inserir a organização e a responsabilidade na rotina do seu pequeno e ganhe um grande ajudante.

1) É colaboração não obrigação: a tarefa deve ser encarada como uma chance de colaborar com todos, de fazer parte das atividades em família.

2)Inclua na rotina: a organização da casa deve fazer parte do dia a dia de todos os membros, e, conforme a criança cresce, você pode acrescentar pequenas funções, como levar a roupa até o cesto, guardar os brinquedos ou levar os pratos até a pia.

3) Orientação: nada mais positivo do que ensinar os pequenos sobre a importância de colaborar, sem reclamações. Explique como e quando as tarefas devem ser feitas.

4) Seja o exemplo: as crianças tendem a seguir os adultos como modelos, por isso, é importante que a limpeza e organização façam parte do seu dia a dia.

5) Paciência: o seu filho está em constante desenvolvimento, portanto, não espere a perfeição, é preciso muita paciência, sem gritos ou sermões exagerados, o diálogo sempre será um bom amigo para a educação e crescimento.

Fonte: https://www.paisefilhos.com.br/crianca/9-beneficios-que-a-musica-proporciona-as-criancas/